quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Que é o amor?


El abrazo de amor del universo, Frida Kahlo

Se você diz que me ama,
Que irrompe os brandos ares para amar,
Que vela o mundo hostil,
Então não sou eu o símbolo.
Levitam-me as indagações.
A mim apenas olhares:
O menor gesto sutil já difunde o temor.
Neste amor não há lástimas.
Neste furor esverdeado não há nada;
Caules dobradiços, paredes sujas, velhos recortes,
A mente empoeirada pelo tempo e mais nada.
Se você diz que pode ser...
Então não é.
Porque o meu canto é bravo demais,
A minha voz é rouca e firme
E a música me persegue
e você não ouve
e eu me calo.

Seguidores