segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Desabafo


Eu queria entender algumas coisas da vida, mas me acho tão perdido. Quanto mais sinto me compreender, mais me perco em minhas compreensões. Eu preciso ouvir para falar, ver para acreditar, sonhar para alcançar... Eu preciso agarrar as oportunidades com minhas mãos pioneiras. Logo eu, que sempre me achei tão cheio de razão, não consigo dizer sequer quem sou. Agora vivo essa confusão de sentimentos. Estou cercado de armadilhas íngremes e vou me vendo nelas. Faço de espelho os meus amores, minhas fraquezas, minhas decepções. Simplesmente me faço. E cada vez que me olho, me certifico de minhas dúvidas. E quer saber? Dane-se. Aposto (comigo mesmo) que sou maior que todas as indecisões que me cercam.

6 comentários:

  1. Nossa é impressionante seu senso critico
    Gostei muito dos seus textos ....Parabens por vc ver a realidade do mundo hj com tanta perplexão não é como outros q vê o mundo com tanta naturalidade.E é assim que nós seres humanos vivemos com hipocrisia...
    Continue assim..

    ResponderExcluir
  2. muito perfeito esse texto!

    ResponderExcluir
  3. Legal essa ideia de se ver nos outros, faço isso também.

    ResponderExcluir
  4. Me identifico cada vez mas com seus texto, de certa forma eles traduz o q sinto.

    ResponderExcluir
  5. éi num me esquece quando vc ficar famoso hashahsh quero a primeira cópia de suas criações
    mayla

    ResponderExcluir
  6. parabens pelas suas postagens, realmente voce escreve muito bem, um ótimo sentido critico,a verdade é que voce tem o dom...

    ResponderExcluir

Seguidores